terça-feira, 23 de agosto de 2016

Lançamentos Classicline - Setembro de 2016

Confira abaixo o que vai ter de novidades em setembro e visite o site e a página no facebook da Classicline para mais informações. Para ver outras postagens da distribuidora aqui no blog, clique aqui.

O Espelho Tem Duas Faces (The Mirror Has Two Faces, 1996)


Rose Morgan (Barbra Streisand), que ainda vive com sua mãe (Lauren Bacall), é uma professora de literatura romântica esperando desesperadamente por uma paixão na vida. Gregory Larkin (Jeff Bridges) é um professor de matemática que está ressentido com relacionamentos apaixonados e busca a união sem sexo, baseada na amizade e respeito. Eles são duas pessoas com quase nada em comum, mas o destino - através de uma irmã intrometida que põe um anúncio no jornal - acaba unindo-os. Sem atração física para complicar, Rose e Greg se tornam bons amigos e logo concordam com um casamento baseado em paixão intelectual, em vez de calor sexual. Mas quando duas pessoas ficam juntas, se casam, tentam permanecer no celibato e se apaixonam acabam percebendo que é impossível apagar a chama que se acendeu.


A Sombra de uma Dúvida (Shadow of a Doubt, 1943)


Considerado por vários críticos como a 1ª obra-prima de Hitchcock (ROTTENTOMATOES), “A Sombra de uma Dúvida” conta a história de Charlie Oackley (JosephCotten), um criminoso que seduz e mata viúvas. Para fugir da polícia, acaba indo visitar sua irmã Emma (Patricia Collinge), que vive com seu marido e sua filha Charlie (Teresa Wright). Com a convivência, Charlie - a sobrinha - começa a cada dia mais desconfiar de que seu tio não seja realmente a pessoa que diz ser e passa a viver com um inimigo em sua própria casa. “Construindo arrepios e suspense como ninguém” (THE NY TIMES), Hitckcock acerta mais uma vez e faz um thriller psicológico que é considerado o seu grande favorito!


As 7 Faces do Dr. Lao (The 7 Faces Of Dr. Lao, 1964)


Chinês gentil e idoso (possui 7322 anos), Dr. Lao (Tony Randall) chega em Abalone, Arizona, com seu circo, que tem atrações inigualáveis: o Abominável Homem das Neves, Merlin, Medusa, Pan, Apolônio de Tiana e outros seres fantásticos. Ele constata rapidamente que a cidade é dominada por um rico rancheiro, Clint Stark (Arthur O’Connell), que alega que em 6 meses não haverá água na cidade, pois o aqueduto está quase inutilizado e o conserto seria de US$ 237 mil. Assim Stark propõe comprar toda a cidade e só Ed Cunningham (John Ericson), o dono do jornal local, se opõe à idéia. Mas em poucos dias o Dr. Lao irá alterar a vida dos moradores de Abalone. Indicado ao Oscar® de Melhores Efeitos Especiais, este filme recebeu um Oscar Especial pelas incríveis maquiagens produzidas por William Tuttle para compor todos os personagens interpretados pelo ator Tony Randall.


Box Batman (1943)


DISCO 1 BATMAN (DUPLO) - Veja como a história de Batman realmente começou. Bruce Wayne (Lewis Wilson) e Robin (Douglas Croft) protegerão Gothan City dos planos malignos do Dr. Tito Daka, interpretado com maestria por J. Carrol Naish. BATMAN é a série que deu início a odisséia do herói nas telas do cinema e agora finalmente está disponível em DVD em uma edição especial para colecionadores. Recheada de muitas aventuras, fugas mirabolantes e um elenco de primeira, esta série é um entretenimento imperdível para os fãs do Cavaleiro das Trevas! DISCO 2 BATMAN & ROBIN (DUPLO) - Junte-se aos super heróis Batman (Robert Lowery) e Robin (John Duncan) em suas missões para ajudar o comissário Gordon (Lyle Talbot) a lutar contra O Mago, um vilão completamente fora de si, que rouba um controle secreto que permite que ele comande todos os veículos de Gotham. Entre os planos de seu arquiinimigo e os interesses amorosos de Bruce Wayne por Vicki Vale (Jane Adams), a Dupla Dinâmica mais adorada dos quadrinhos saltará de um perigo para outro para salvas Gothan de mais uma ameaça!


Box O Melhor do Cinema - Nazismo


DISCO 1 SWASTIKA - Swastika é o documentário mais polêmico sobre Hitler e os nazistas já feito. Usando imagens de propaganda e filmes caseiros feitos por Eva Braun, Swastika retrata o lado humano de Adolf Hitler. Conheceremos o homem por trás do monstro que orquestrou o Holocausto. Hitler se torna mais real, e mais frio. Este documentário mostra o lado mais assustador do mal: a sua banalidade. DISCO 2 WAFFEN SS - Feito a partir de mais de 5.000 horas de fillmagens e 800 horas de programas feitos com recursos verdadeiramente únicos de reconstituição histórica e uso de gráficos 3D para animar e reconstruir cenas e locais históricos, este documentário retrata fielmente uma das maiores máquinas assassinas já pensadas e feitas por uma mente do mal: a Waffen SS.


Box Superman


DISCO 1 SUPERMAN - Superman (Kirk Alyn) é enviado para a Terra por seus pais, pouco antes de seu planeta natal Kripton explodir e é criado como Clark Kent por um casal de pequenos fazendeiros. Após seus pais adotivos morrerem, o Homem de Aço vai para Metrópolis sob o disfarce dos óculos de Kent e se junta ao pessoal do Planeta Diário, incluindo a bela Louis Lane (Noel Neill), a m de estar perto das notícias. Quando a emergência o exige, ele assume sua verdadeira identidade de Superman. Sua grande missão será impedir o plano nefasto de uma vilã que se autodenomina Mulher Aranha (Carol Forman). DISCO 2 SUPERMAN VS. O HOMEM ATÔMICO - Desta vez, Superman (Kirk Alyn) precisa enfrentar Lex Luthor (Lyle Talbot), que, disfarçado de Homem Atômico, ameaça devastar Metropolis com o dispositivo mais diabólico e mortífero de todos: uma máquina de desintegração. Luthor descobre a única fraqueza do Superman: a Kriptonita. Uma vez que nosso herói foi exposto a este minério fatal, Metropolis se torna uma cidade totalmente aberta para os criminosos de todas as variedades. Conseguirá o nosso herói recuperar todos os seus poderes, antes que sua cidade seja completamente tomada pelos mal-feitores?"


Do Mundo Nada Se Leva (You Can't Take It With You, 1938)


Alice Sycamore (Jean Arthur) deseja apresentar Tony Kirby (James Stewart), seu noivo, à sua família, mas como ele provêm de uma família rica e influente e a sua é composta de pessoas extrovertidas e um tanto lunáticas, há um choque de comportamentos. Para completar, Anthony P. Kirby (Edward Arnold), o pai do seu noivo, já comprou todos os imóveis da região onde a família de Alice vive para um importante empreendimento, com exceção da casa de Alice. Sem este imóvel o projeto não pode ir adiante e, como há uma recusa em vender, este posicionamento gera um clima desfavorável entre as duas famílias.


Elvira, a Rainha das Trevas (Elvira, Mistress Of The Dark, 1988)


Elvira (Cassandra Peterson) é a anfitriã de um programa de baixo orçamento sobre filmes de terror, mas tudo pode mudar quando ela herda da tia Morgana (Cassandra Peterson) uma velha mansão em Fallwell, Massachusetts, uma pequena cidade com apenas 1313 habitantes. Ela sonha em vender a casa e ir para Las Vegas, mas encontra dois sérios problemas: o primeiro são os adultos da cidade, que ficam espantados com o modo como ela se veste e se comporta. Liderados por Chastity Pariah (Edie McClurg), eles fazem forte oposição à presença de Elvira na localidade. O segundo problema é Vincent Talbot (W. Morgan Sheppard), um tio de Elvira que não herdou nada, mas deseja obter de qualquer maneira um “livro de receitas” que também foi herdado por Elvira, que dará a ele imensos poderes para fazer diversos tipos de bruxarias..



Melhor Impossível (As Good as It Gets, 1997)


Melvin Udall (Jack Nicholson) é um escritor que adora fazer comentários ácidos e maldosos para ofender as pessoas. Ele toma café todo dia na mesma lanchonete, onde Carol Connelly (Helen Hunt) é a única garçonete que o suporta. Seu vizinho é o renomado artista plástico Simon Nye (Greg Kinnear), alvo constante de seus ataques verbais. Quando Simon é levado para o hospital após um violento assalto, Melvin tem que cuidar do cachorro de estimação do vizinho. A nova situação amolece o coração do escritor, fazendo nascer entre os três - Melvin, Carol e Simon - uma amizade capaz de finalmente fazê-los felizes. Jack Nicholson e Helen Hunt levaram o Oscar e o Globo de Ouro por suas atuações, e o filme ganhou o Globo de Ouro de Melhor Cómedia/Musical.


Os Rifles da Desforra (40 Guns To Apache Pass, 1966)


Arizona, 1868. O Capitão Bruce Coburn (Audie Murphy) está empenhado em prender Cochise (Michael Keep), o chefe apache, que está na trilha da guerra contra os brancos. Coburn lidera seus homens na perigosa missão de buscar quarenta rifles de repetição, com os quais espera capturar o guerreiro indígena. Porém, além de emboscadas e ataques dos inimigos, Bruce ainda tem de enfrentar o traidor Bodine (Kenneth Tobey), um soldado que deseja apoderarse das armas para vendê-las a Cochise. Às voltas com índios e com a traição de um dos membros de sua própria equipe, ele também enfrentará uma acusação de assassinato, e tentará provar sua inocência levando o verdadeiro bandido à justiça.


Por Quem os Sinos Dobram (For Whom The Bell Tolls, 1943)


Guerra Civil Espanhola, anos 30. O idealista Robert Jordan (Gary Cooper) se engaja no conflito para defender os princípios de liberdade e democracia. Numa missão de altíssimo risco, ele aguarda o melhor momento de explodir uma ponte de importância vital para as tropas inimigas. Neste cenário de idealismos e tensões quase insuportáveis, a mística Pilar (Katina Paxinou), líder das forças da resistência civil, encoraja a bela e jovem María (Ingrid Bergman) a ajudar Robert em sua missão. Durante uma noite debaixo das estrelas, o medo da morte e a possibilidade do amor caminham lado a lado, em pleno horror da guerra.


Vikins, Os Conquistadores (The Vikings, 1958)


As lendas de Hollywood Kirk Douglas, Tony Curtis, Ernest Borgnine e Janet Leigh brilham nesta crônica épica de rivalidade brutal e ambição sanguinária. Desvendando o século IX em um magnífico drama visual, Vikings é um espetáculo que merece atenção total (Los Angeles Examiner)! Ódio profundo separa dois irmãos. O Príncipe Einar (Douglas) é filho e herdeiro de um selvagem líder Viking . O Príncipe Eric (Curtis) é seu meio-irmão desconhecido, filho bastardo do pai de Einar e da rainha inglesa. Quando os vikings raptam a princesa Morgana (Leigh), sua beleza inflama os desejos de ambos os homens, forçando um duelo sangrento que decidirá seu destino... e o futuro do trono britânico.


Viva Zapata! (1952)


""Viva Zapata!"" é uma cinebiografia que conta a verdadeira história do líder guerrilheiro Emiliano Zapata (Marlon Brando). Zapata é um bem nascido, porém pobre, mestiço mexicano do Estado de Morelos, que vai à Cidade do México com outros aldeões queixar-se que suas terras férteis foram tomadas por um latifundiário. Ele põe-se em perigo ao expressar sua insatisfação com as respostas do Presidente Diaz (Fay Rompe). Após libertar um prisioneiro de uma milícia local, torna-se um fora-da-lei. Incentivado por Fernando Aguirre (Joseph Wiseman), um intelectual, Zapata alia-se contra Diaz, e com a ajuda de seu irmão Eufemio (Anthony Quinn), torna-se um líder na rebelião contra o presidente e toda a corja de corruptos dispostos a tomar o poder. Dirigido pelo renomado Elia Kazan (Sindicato de Ladrões, Um rosto na Multidão), o filme foi vencedor do Oscar de melhor ator coadjuvante para Anthony Quinn, premiado no BAFTA e em Cannes por Marlon Brando, e indicado a inúmeros outros prêmios internacionais. É considerado pelo The New York Times como um dos 1000 melhores filmes do mundo.


sábado, 20 de agosto de 2016

Lançamentos Obras-Primas do Cinema - Setembro de 2016

Confira abaixo as novidades do próximo mês e acesse o site e a página no facebook da distribuidora para estar sempre informado. Para ver outras postagens sobre a Obras-Primas do Cinema, é só clicar aqui.

Mamãezinha Querida (Mommie Dearest, 1981)


Obras-Primas do Cinema apresenta: MAMÃEZINHA QUERIDA, filme biográfico sobre a vida da mítica estrela Joan Crawford, interpretada por Faye Dunaway (Oscar em 1977 por Rede de Intrigas) em uma de suas performances mais fascinantes. O filme foi baseado no livro autobiográfico de sua filha adotiva Christina, onde narra a sua triste vida sob a força destrutiva de sua famosa mãe.

O comportamento descompensado e tirânico da atriz Joan Crawford com seus filhos adotivos, contrastando fortemente com a imagem de mãe perfeita que era passada ao público. Narrado sobre a ótica de Christina Crawford, a primogênita filha adotiva da atriz.

Extras: Making of do filme com extraordinárias histórias (13 minutos); “O Renascimento de Joan Crawford” (14 minutos); Depoimentos (16 minutos).


Peggy Sue - Seu passado a espera (Peggy Sue Got Married, 1986)


Obras-Primas do Cinema apresenta “PEGGY SUE, SEU PASSADO A ESPERA”, um belo conto de fadas dirigido por Francis Ford Coppola, estrelando Kathleen Turner (indicada ao Oscar de Melhor Atriz) Nicolas Cage, e o estreante Jim Carrey. O filme teve mais duas indicações ao Oscar (Fotografia e Figurino) e foi indicado em duas categorias ao Globo de Ouro: “Melhor Filme/ Melhor Atriz – Comédia ou Musical”. O título e a história são inspirados na canção homônima de autoria de Buddy Holly em 1957.

Mulher de 43 anos (Kathleen Turner) à beira do divórcio desmaia e volta no tempo (de 1985 para 1960) e vê, entre outras coisas, seu namorado com quem vai se casar e se separar 25 anos depois. Surge então uma questão: se ela vai se separar, deve se casar ou não? Nesta volta no tempo ela tem a oportunidade de transformar o curso da sua vida.

Extras: Trailers Originais.


Trilogia da Estrada - Digistack com DVDS


Obras-Primas do Cinema apresenta: TRILOGIA DA ESTRADA por WIM WENDERS, inédita versão remasterizada com os clássicos da famosa trilogia de Wenders, um dos maiores nomes do “Cinema Novo Alemão”, em Digistak com 3 DVD’s e MAIS DE 4 HORAS DE EXTRAS!

Disco 1:

- ALICE NAS CIDADES (Alice in den Städten, Alice in the Cities, 1974)

O jornalista alemão Philip Winter adquire a fobia de bloqueio de escritor ao tentar escrever um artigo sobre os Estados Unidos e, então, decide retornar à Alemanha. Ao registrar o voo, encontra-se com uma mulher alemã e sua filha Alice, de nove anos, assim começando uma longa e duradoura amizade.

Disco 2:

- MOVIMENTO EM FALSO (Falsche Bewegung, Wrong Move, 1975)

Baseado em Goethe, o filme descreve seis dias na vida de Wilhelm. No vagão de um trem ele encontra desde um atleta que participou das Olimpíadas de 1936, uma atriz, até interromper o suicídio de um passageiro. Estreia no cinema de Nastassja Kinski.

Disco 3:

- NO DECURSO DO TEMPO (Im Lauf der Zeit, Kings of the Road, 1976)


Um técnico de projetores de cinema viaja pela Alemanha visitando cinemas desativados quando encontra um homem recém separado. Eles ficam amigos e resolvem viajar juntos.

Extras: MAIS DE 4 HORAS DE EXTRAS: Com entrevistas, cenas não editadas, Curtas-Metragens dirigido por Wim Wenders, entrevista com o diretor e muito mais..


sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Atletas que se tornaram atores

Confira abaixo uma lista de atletas profissionais que brilharam também no cinema:

Esther Williams



Conhecida como a 'Sereia de Hollywood', Esther Williams foi 3 vezes campeã nacional de natação nos Estados Unidos e pretendia participar das Olimpíadas de 1940 e 1944, porém foi impedida por causa da Segunda Guerra, que ocorreu durante este período. Foi descoberta por um caçador de talentos da MGM enquanto trabalhava em uma loja de departamentos em Los Angeles e assinou contrato com o estúdio em 1941. Dentre seus filmes mais notáveis estão: Escola de Sereias (Bathing Beauty, 1944), A Filha de Netuno (Neptune's Daughter, 1949) e A Rainha do Mar (Million Dollar Mermaid, 1952), onde realizava belos números de nado sincronizado, sendo responsável pela popularização do esporte através de seus musicais. Em 1984, a atriz participou como consultora do comitê olímpico internacional.

Esther antes da fama, em 1939

Johnny Weissmuller


Johnny Weissmuller é conhecido principalmente por sua interpretação como Tarzan, tendo atuado em 12 filmes como o 'homem macaco', alcançando seu auge nas décadas de 30 e 40. O ator também obteve sucesso ao estrelar a série Jim das Selvas, feita em episódios de 70 minutos pela Columbia, e posteriormente sendo transferida para a televisão, na rede NBC. Entretanto, antes da fama nas telas, Weissmuller teve uma vitoriosa trajetória nos esportes, sendo vencedor de 5 medalhas de ouro nas Olimpíadas de 1924 e 1928, como nadador, e uma de bronze, no polo aquático, em 1924. Ele também venceu 52 campeonatos nacionais e estabeleceu 67 recordes mundiais de natação, sendo considerado pela Associated Press o maior nadador da primeira metade do século XX, além de ser comumente citado como um dos melhores de todos os tempos.

Nas Olimpíadas de Paris, 1924

Bud Spencer


Antes de sua bem-sucedida carreira no cinema, obtendo sucesso principalmente nos longas onde atuou ao lado de Terence Hill, o ator italiano se dedicou à natação, concorrendo nas Olimpíadas de Helsinki, na Finlândia, em 1952, e Melbourne, na Australia, em 1956. Tornou-se o primeiro italiano a nadar o estilo livre de 100 metros em menos de 1 minuto. Além disso, teve bons resultados no polo aquático. Estreou como ator no épico Quo Vadis, de 1951, mas sua carreira só decolou em meados da década de 60, transformando-se em um dos ícones do gênero western spaghetti.

O ator em seus tempos de atleta

Sonja Henie


A norueguesa ganhou seu primeiro prêmio na patinação artística aos 10 anos, participando de sua primeira Olimpíada de Inverno com apenas 12 anos, em 1924. Foi vencedora de seis campeonatos europeus consecutivos, nos anos de 1931 até 1936, além de ter sido três vezes medalhista de ouro nas Olimpíadas de Inverno, em 1928, 1932 e 1936. Sendo um fenômeno na patinação, foi convidada para atuar, assinando contrato em 1936 com a Twentieth Century Foxonde fez um enorme sucesso, chegando a ser uma das atrizes mais bem pagas da época. Dentre seus maiores sucessos estão A Rainha do Patins (One in a Million , 1936), Dúvidas de um Coração (Second Fiddle, 1939) e Quero Casar-me Contigo (Sun Valley Serenade, 1941), onde aparece ao lado de grandes astros como Don Ameche, Tyrone Power, John Payne, respectivamente.

Sonja em 1936


Chuck Norris


Um dos maiores ícones dos filmes de ação, Chuck Norris começou sua carreira nas artes marciais. Sua estreia em competições aconteceu em 1964, porém ele foi derrotado nos dois primeiros torneios dos quais participou. Após uma considerável melhora em suas técnicas, Chuck Norris conseguiu vencer diversos combates, tornando-se duas vezes campeão do torneio All American S. Henry Cho, em 1967 e 1968. A última derrota de sua carreira ocorreu em 1968, para Louis Delgado. No mesmo ano, Norris teve sua revanche, ganhando Delgado e o titulo mundial de Campeão Profissional de Karaté de Pesos-Médios. Ele manteve o título por seis anos consecutivos. Também foi vencedor da Coroa Tripla de Karaté, em 1969, que era dada ao lutador com o maior número de torneios vencidos no ano. Sua carreira nas artes marciais terminou em 1974, com um total de 183 vitórias, 10 derrotas e 2 empates. Ganhou pelo menos trinta torneios. Em 1990, foi o primeiro ocidental citado na história documentada do Tae Kwon Do a quem foi dado o Cinturão Preto de Grande Mestre de 8º Grau. Sua estreia como ator foi no filme Arma Secreta contra Matt Helm (The Wrecking Crew, 1969), estrelado por Dean Martin e Sharon Tate, além de aparecer ao lado de Bruce Lee em O Voo do Dragão (The Way of the Dragon, 1971), em um papel pelo qual é conhecido até hoje. Encorajado por Steve McQueen, fez aulas de atuação na MGM, tornando-se um astro ao protagonizar filmes como Braddock - O Super Comando (Missing in Action, 1984), MCQuade, O Lobo Solitário ( Lone Wolf McQuade, 1983) e Comando Delta ( The Delta Force, 1986), além da série Walker, Texas Ranger, exibida de 1993 até 2001.

Chuck Norris em 1974

Bruce Lee




Filho de um astro da ópera, Bruce Lee começou sua carreira cinematográfica ainda na infância, em curta-metragens chineses, tendo aparecido em 20 filmes antes de completar 18 anos.

O pequeno Bruce no filme The Kid, 1950

Embora tenha nascido nos Estados Unidos, Bruce voltou para Hong Kong ainda bebê, e la passou sua infância e adolescência. Desde cedo, foi introduzido nas artes marciais, treinando Tai Chi e Kung Fu com seu pai, e Wing Chun com o respeitado Yip Man, dos 13 aos 18 anos. Vivendo em Hong Kong, que havia se tornando um lugar bastante violento após a Guerra, Bruce se envolvia frequentemente em brigas com membros de gangues locais, até que confrontou e espancou o filho de uma das mais temidas famílias das Tríades, transformando-se em um alvo em potencial para uma retaliação. Com medo de que algo acontecesse com o filho, além de evitar que ele entrasse novamente em alguma briga, seus pais o enviaram para os Estados Unidos, onde uma de suas irmãs residia. Em Seatle, estudou filosofia e trabalhou em um restaurante. Pouco tempo depois, começou a ensinar Kung Fu e logo conseguiu abrir sua própria escola, a  Jun Fan Gung Fu Institute. Nos anos 60, foi descoberto ao se apresentar em uma exposição, e ganhou um papel na série de televisão O Besouro Verde, como Kato. Neste tempo, ele também desenvolveu sua própria arte marcial, intitulada Jeet Kune Do, que não seguia a filosofia tradicional das outras artes. Com o fim da série, Bruce Lee encontrou dificuldade em conseguir novos papéis, decidindo tentar carreira em Hong Kong. La, para sua surpresa, descobriu ser uma grande estrela devido ao seu personagem Kato, e estrelou 3 filmes, que conseguiram um sucesso estrondoso, quebrando recordes de bilheteria, devido a inovação de suas técnicas. Hollywood logo se interessou pelo astro, convidando o ator para protagonizar o longa Operação Dragão (Enter the Dragon, 1973). Infelizmente ele faleceu antes da estréia. Bruce Lee tornou-se um grande mito na cultura popular, considerado o maior nome das artes marciais, além de ter ensinado personalidades como Steve McQueen e Chuck Norris.

Bruce Lee e seu mestre Yip Man

Fisiculturistas

O fisiculturismo divide opiniões, e não é considerado oficialmente um esporte. Entretanto, apesar de não ser um esporte olímpico, há quem defenda que é sim um esporte, e está incluso em competições como o Pan-Americano e os Jogos Asiáticos. Abaixo alguns atores que foram famosos fisiculturistas:

Sean Connery 


Connery começou a fazer musculação aos 18 anos, treinando intensamente desde 1951, com um ex-instrutor de ginástica do exército britânico. Ficou em terceiro lugar na competição de Mr Universo em 1953, mas desistiu da carreira pouco tempo depois. Chegou também a ter uma curta passagem como jogador de futebol, recusando uma oferta para se profissionalizar no esporte, pois sabia que sua carreira seria breve demais, já que tinha 23 anos e na época os jogadores se aposentavam na faixa dos 30. Com isso, decidiu se dedicar à atuação, conseguindo papéis no teatro e em filmes de menor destaque, ganhando fama ao estrelar o primeiro longa na pele de James Bond, 007 Contra o Satânico Dr. No. Desde então, tem tido uma prolífica carreira nas telas, participando de diversos clássicos, como Marnie (1964), Assassinato no Expresso Oriente (1974), O Nome da Rosa (1986), dentre muitos outros, além de ter protagonizado alguns filmes como o agente britânico 007. Foi vencedor do Oscar de Melhor Ator Coadjuvante por seu desempenho em Os Intocáveis, em 1988.

Sean Connery exibindo seus músculos nos anos 50

Arnold Schwarzenegger


Schwarzenegger começou a competir nos anos 60, vencendo diversas competições, incluindo o Mr Europa, com apenas 19 anos, e cinco vezes o Mr. Universo, sendo 4 pela NABBA (na Inglaterra), 1 pela IFBB (nos Estados Unidos), além de sete vitórias no Mr. Olympia, Suas seis primeiras vitórias como Mr Olympia ocorreram consecutivamente, de 1970 até 1975, quando se retirou do fisiculturismo profissional, nesta altura já se dedicando ao cinema. Entretanto, em 1980, em decorrência de seu treinamento para o filme 'Conan, o Bárbaro', Arnold ganhou excelente forma física e decidiu concorrer novamente ao Mr Olympia, saindo de sua aposentadoria, e ganhando o concurso pela sétima vez. Ele se mantém até hoje como uma proeminente figura do fisiculturismo, tendo inclusive um torneio realizado anualmente em sua homenagem, intitulado Arnold Fitness Weekend. Ele também escreveu colunas mensais para as revistas 'Muscle & Fitness' e 'Flex', chegando a ser nomeado, mesmo que simbolicamente, editor executivo das publicações. Seu primeiro papel no cinema, foi no longa Hercules in New York (1970) e posteriormente estrelou diversos filmes como Conan, o Bárbaro (1982), O Exterminador do Futuro (1984, e suas continuações), True Lies (1994), além de comédias como Um Tira no Jardim de Infância (1990) e Um Herói de Brinquedo (1996), dentre outros.

Arnold Schwarzenegger no Mr Olympia

Lou Ferrigno


Começou a levantar peso com apenas 13 anos de idade, vencendo seu primeiro título de Mr America em 1969. Conseguiu ser vice-campeão em sua primeira participação no Mr Olympia, em 1974. No ano seguinte, ficou com a terceira colocação e teve sua tentativa de superar Arnold Schwarzenegger filmada para o documentário Pumping Iron (1977). Também competiu nos anos de 1975, 1992, 1993 e 1994, ficando em terceiro, décimo segundo, décimo e segundo lugar em sua última competição. Sua carreira como ator, começou a ter destaque ao conseguir um dos papéis principais série O Incrível Hulk, que foi ao ar de 1978 até 1982, dividindo a cena com Bill Bixby. Outros longas de destaque em sua filmografia são Hércules (1983) e Simbad e os Sete Mares (1989). O ator também participou das produções mais recentes de Hulk, em pequenos papéis, além de dublar o personagem nos filmes de Os Vingadores.

Arnold Schwarzenegger e Lou Ferrigno

Steve Reeves


Após alistar-se no exército, onde fazia serviços pesados e se exercitava em uma academia de ginástica, Reeves rapidamente começou a ganhar músculos, decidindo seguir a carreira de fisiculturista profissionalmente. Depois de servir durante a Guerra, inscreveu-se nos principais concursos, vencendo o Mr. Pacific Coast e o Mr. América, em 1947 e Mr. Universo, em 1950. Decidiu se dedicar a carreira de ator, chamando a atenção do diretor Cecil B. DeMille, que queria escalar o jovem para o papel principal do épico Sansão e Dalila, em 1949, mas os chefes da Paramount não acharam a escolha adequada. Participou de alguns longas de Ed Wood, além do musical Athena, ao lado de Jane Powell e Debbie Reynolds. O auge de sua carreira viria em 1958, ao interpretar o personagem-título em As Façanhas de Hércules, papel que o consagrou, fazendo com que se tornasse um astro do gênero chamado 'sandália e espada', estrelando diversos títulos italianos, sempre como personagens fortes e destemidos,