sexta-feira, 18 de maio de 2018

Lançamentos Obras-Primas do Cinema - Junho de 2018

Confira abaixo as novidades da nossa parceira Obras-Primas do Cinema para o mês de junho:

Os filmes encontram-se disponíveis para venda nas melhores lojas do ramo e na própria loja virtual da marca, a Colecione Clássicos. Para mais informações, visite o site da marca e os siga no Facebook e no Youtube.

Ernst Lubitsch - Digipak com 2 DVDs


Obras-Primas do Cinema apresenta, ERNST LUBITSCH. Um dos maiores nomes do cinema clássico, seus filmes lhe deram a reputação de diretor mais elegante e sofisticado de Hollywood, suas comédias tinham um certo nível de malícia e sexualidade. Como o seu prestígio cresceu, seus filmes foram promovidos por terem o famoso “Toque Lubitsch”. Edição limitada em digipak especial com 2 DVD’s e 4 Cards!

Disco 01:

Sócios no Amor (Design for Living, 1933)


Elenco Principal: Fredric March, Gary Cooper, Miriam Hopkins.

Dividindo o mesmo apartamento em Paris, dois americanos acabam se apaixonando pela mesma mulher. Incapaz de se decidir por um dos dois, ela sugere que os três morem juntos, com duas condições: eles serão amigos e nunca farão sexo. Com tantas oportunidades, eles conseguirão manter o acordo?

Ladrão de Alcova (Trouble in Paradise, 1932)

Elenco Principal: Miriam Hopkins, Kay Francis, Herbert Marshall.

Gaston e Lily são uma dupla de ladrões de alta classe que escolheram viver a vida roubando, e não veem grandes problemas nisso. Assim que se conheceram, eles flertaram mostrando o que já haviam roubado, e desde então aplicam golpes juntos.

Disco 02:

A Oitava Esposa de Barba Azul (Bluebeard’s Eighth Wife, 1938)

Elenco Principal: Claudette Colbert, Gary Cooper, Edward Everett Horton.

O multimilionário americano Michael Brandon se casa com a sua oitava esposa, Nicole, filha de um falido marquês francês. Mas, ela não quer ser apenas mais um número na fila de ex mulheres e começa sua própria estratégia para moldar o novo marido.

Madame Dubarry (Madame Dubarry, 1919)

Elenco Principal: Pola Negri, Emil Jannings, Harry Liedtke.

A história de Madame DuBarry, amante do rei Luís XV da França, e seus amores em tempos da revolução francesa.

Extras:

Entrevista com Joseph McBride (22 minutos)
Introdução de Ladrão de Alcova (10 minutos)
The Clerk – Segmento dirigido por Lubitsch, estrelado por Charles Laughton (2 minutos)
Als Ich Tot War – Primeiro filme sobrevivente da filmografia de Lubitsch (37 minutos)


O Mal do Século (Safe, 1995)


Obras-Primas do Cinema apresenta: Mal do Século. Drama escrito e dirigido por Todd Haynes (Longe do Paraíso) e produzido por Christine Vachon. O filme foi baseado em uma história verdadeira. Versão remasterizada! Edição especial com quase 40 minutos de extras!

Em 1987, no Vale de San Fernando, Califórnia, Carol White (Juliane Moore), uma dona de casa de classe média alta, leva uma vida aparentemente tranquila, numa bela casa no Sul da Califórnia ao lado do marido. Tudo se transforma quando ela se descobre subitamente alérgica a aparelhos de limpeza e artigos de uso diário. A busca pela cura da chamada doença ambiental a obrigará a procurar tratamentos não convencionais e equilíbrio espiritual.

Extras:

Nesta entrevista com a produtora Christine Vachon, ela discute a relação profissional com o diretor Todd Haynes (15 minutos).
O primeiro curta de Todd Haynes, que foi considerado como perdido: “The Suicide (1978)” (20 minutos).
Trailer original (1 minuto).



Carl T. Dreyer. Digipak com 2 DVD’s


Obras-Primas do Cinema apresenta, Carl T. Dreyer. Digipak especial com 2 DVD’s apresentando em versões remasterizadas 3 longas-metragens e mais 7 curtas inéditos! Inédita edição com 4 Cards e 1 hora de extras!

Disco 01:

Michael (Michael, 1924)


Elenco Principal: Walter Slezak, Max Auzinger, Nora Gregor

Um triângulo amoroso entre o renomado pintor e escultor Zoret, seu protegido e assistente Michael e a princesa Zamikoff, uma aristocrata “female fatale”. Atraído e seduzido pela beleza da jovem princesa, Michael começa a distanciar-se de Zoret, e este, começa a amargurar-se com a solidão.

A Queda do Tirano (Du skal ære din hustru, Master of House, 1925)

Elenco Principal: Johannes Meyer, Astrid Holm, Karin Nellemose

O desgaste de um casamento. A ruína de um lar. Uma mulher escravizada. O amor em dor. Foi-se o tempo das juras apaixonadas, do respeito, do companheirismo. Apenas a distância poderá intervir.

Disco 02:

A Quarta Aliança da Sra. Margarida (Prästänkan, The Parson’s Widow, 1920
)

Elenco Principal: Hildur Carlberg, Einar Röd, Greta Almroth

Sofren, um aspirante a pastor, está noivo de Mari, mas o pai não permitirá o casamento até que o rapaz esteja a frente de uma igreja. Ele é nomeado para uma congregação rural e descobre que, de acordo com os hábitos locais, a viúva do pastor falecido pode casar com o seu sucessor. Sra. Margarida, uma senhora que já havia enterrado três maridos, insiste no seu direto de manter-se na casa. Para manter sua verdadeira namorada, Sofren leva Mari à paróquia, alegando tratar-se de sua irmã. O plano dos dois é esperar a morte da Sra. Margarida. Quando tudo indica que isto não acontecerá tão cedo, Sofrem começa a aprontar uma série de armadilhas tolas para acelerar a morte da velha.

7 curtas-metragens da carreira de Carl Theodor Dreyer:
Auxílio Materno (Mødrehjælpen – 1942); A Luta Contra o Câncer (Kampen mod kræften – 1947); A Igreja Rural (Landsbykirken – 1947); A Travessia (De nåede færgen – 1948); O Grande Escultor (Thorvaldsen – 1949); A Ponte de Storstroem (Storstrømsbroen – 1950); O Castelo Dentro do Castelo (Et slot i et slot: Krogen og Kronborg – 1954)

Extras:

Entrevista com Casper Tybjerg (16 min)
Entrevista em áudio com o diretor Carl T. Dreyer (26min)
Vídeo especial escrito e narrado pelo crítico e cineasta David Cairns (17 min)


Abbas Kiarostami - Digipak com 2 DVDs


Obras-Primas do Cinema apresenta ABBAS KIAROSTAMI. Exibindo filmes de caráter existencialista e poética, Kiarostami foi um dos diretores mais importantes do cinema iraniano! Esteve envolvido em mais de 40 filmes, incluindo curtas e documentários. Venceu a Palma de Ouro no Festival de Cannes com o filme “Gosto de Cereja”. Edição limitada em digipak especial com 2 DVD’s e 4 Cards!

Disco 01:

O Vento nos Levará (Bad ma ra khahad bord, The Wild Will Carry Us, 1999)

Elenco Principal:
Behzad Dorani, Noghre Asadi, Roushan Karam Elmi.

Um estrangeiro iraniano (Behzad Dorani), portando câmera fotográfica e celular, é intitulado pelos moradores do vilarejo de casas de barro de Siah Dareh, no Curdistão iraniano, como o “engenheiro”. Porém, ele não desempenha essa função, mas sim a da espera. O real propósito de sua jornada é uma anciã que está morrendo.

Através das Oliveiras (Zire darakhatan zeyton, Through the Olive Trees, 1994)

Elenco Principal:
Mohamad Ali Keshavarz, Farhad Kheradmand, Zarifeh Shiva.

Uma pequena cidade no norte do Irã recebe a visita de uma equipe de cinema que está produzindo um filme. O protagonista masculino é Hossein (Hossein Rezai) e a feminina é Tahere (Tahere Ladaniam), uma jovem atriz por quem Hossein está visivelmente apaixonado, deixando transparecer até para o diretor do filme. No intervalo entre as cenas, o ator tenta de todos os modos fazer com que Tahere fale com ele, o que ela se recusa a fazer.

Disco 02:

Gosto de Cereja (Ta’m e guilass, Taste of Cherry, 1997)

Elenco Principal:
Homayoun Ershadi, Abdolrahman Bagheri, Afshin Khorshid Bakhtiari.

Badii é um senhor amargurado que quer cometer suicídio, mas para fazer isso quer que alguém o ajude – como enterrá-lo no local adequado, por exemplo. Todos se recusam por várias diferentes razões, até que encontra um turco que também tentou se suicidar no passado.

Close-up (Close-up, 1990, 98 min)

Elenco Principal:
Hossain Sabzian, Mohsen Makhmalbaf, Abolfazl Ahankhah.

Jovem cinéfilo apaixonado pelo trabalho do diretor iraniano Mohsen Makhmalbaf acaba preso ao se fazer passar pelo famoso diretor e vai a julgamento, acusado por uma família rica de falsidade ideológica, roubo e extorsão.

Extras:

Entrevista com Abbas Kiarostami

.

Lançamentos Classicline - Junho de 2018

Mal postei os lançamentos de maio, já surgiram mais novidades no mercado trazidas pela nossa parceira Classicline! Confira abaixo o que tem de novo por aí:

Lembrando que todos os filmes encontram-se a venda nas melhores lojas do ramo e na própria loja virtual da distribuidora. Para mais informações, visite o site da marca e siga no Facebook.

Cristina (Christine, 1958)


Viena, 1906. Por algum tempo, Franz Lobheiner (Alain Delon), um jovem tenente do exército austríaco, teve um caso de amor secreto com Lena (Micheline Presle), esposa do Barão Eggersdorf (Jean Galland). Cansado deste relacionamento, Franz decide terminá-lo e transfere seus afetos para Christine (Romy Schneider), uma jovem aspirante à cantora de ópera, que tem uma visão idealista do amor. Christine logo percebe que ama a Franz mais do que qualquer homem na Terra e ele sente o mesmo por ela, despertando em Lena um ciúme amargo. Quando ele finalmente termina o relacionamento, o Barão descobre a infidelidade da esposa, e desafia Franz para um duelo trágico.

O Biruta e o Folgado (The Stooge, 1951)



Bill Miller (Dean Martin) é um artista da Broadway malsucedido até que seus empresários têm uma ideia: colocar na plateia, sem que ninguém saiba, o pateta Ted Rogers (Jerry Lewis), que estará pronto e posicionado para servir de muleta para Miller. Mas logo na primeira tentativa é Ted quem rouba o espetáculo, o que deixa Miller preocupado. A namorada dele, no entanto, sugere que Ted seja contratado para ser um parceiro de verdade na apresentação. Mas as coisas se complicam ainda mais quando o sucesso chega e somente Theodore provoca o riso na plateia.

O Céu Mandou Alguém (3 Godfathers, 1948)


Após mais um assalto, três ladrões de banco Robert, Pete e William (John Wayne, Pedro Armendáriz e Harry Carey Jr.) fogem rumo ao deserto perseguidos pelo xerife Buck Sweet (Ward Bond). Durante a fuga eles cruzam com uma mulher deixada numa diligência para dar à luz. Com a ajuda do trio ela ganha o bebê, e à beira da morte faz com que eles prometam que levarão o bebê a salvo para a cidade de Nova Jerusalém. Assim, os criminosos decidem atravessar o deserto ardente, passando a arriscar as suas vidas e a sua liberdade, para salvar a criança.

O Maior Espetáculo da Terra (The Greatest Show on Earth, 1952)


O megalomaníaco empresário Brad Braden (Charlton Heston), proprietário do circo ‘’Ringling Brothers and Barnum & Bailey”, deseja organizar mais uma temporada de sucesso. Para isso, ele contrata um famoso trapezista conhecido como “O Grande Sebastian” (Cornel Wilde). Porém, Braden e Sebastian logo se tornam rivais, pois disputam o amor da também trapezista Holly (Betty Hutton). Enquanto isso, Braden precisa cuidar de toda sua trupe: além dos caprichos dos outros artistas, tem que lidar ainda com assaltantes, trapaceiros e animais selvagens doentes. Entre seus artistas, o bondoso palhaço Buttons (James Stewart), que nunca retira a maquiagem em função de um terrível segredo em seu passado, e um domador de elefantes cruel (Lyle Bettger). Dirigido pelo renomado Cecil B. DeMille, “O Maior Espetáculo da Terra”foi vencedor dos Oscars de Melhor Filme e Melhor Roteiro, e dos Globos de Ouro de Melhor Filme, Melhor Diretor e Melhor Fotografia.

O Último Hurra (The Last Hurrah, 1958)


O veterano prefeito Skeffington (Spencer Tracy), está no final do quarto mandato e prestes a concorrer a um quinto. Seus opositores são o bispo protestante, o jornalista Amos Force (John Carradine) e os banqueiros liderados por Norman Cass (Basil Rathbone), todos da elite da cidade e apoiadores do candidato novato, um jovem advogado católico e veterano de guerra. Skeffington chama seu sobrinho Adam (Jeffrey Hunter), um jovem jornalista que escreve sobre esportes, e propõe que ele seja um espectador privilegiado de um lance histórico do esporte favorito dos americanos: a política. Caulfield acompanha o tio e o observa fazendo política, ajudando pessoas pobres, tentando conseguir recursos para reformar os cortiços e usando a máquina pública para forçar elites a cooperarem. Os veteranos assessores de Skeffington estão confiantes em nova vitória, mas quando se inicia a contagem dos votos, McCluskey demonstra que pode vencer.

domingo, 13 de maio de 2018

Galeria de Fotos: Atrizes e Mães

Confira abaixo uma série de fotografias das  nossas atrizes favoritas em momentos familiares com seus filhos:

Veja também a galeria 'Gravidinhas'

Rita Hayworth

Com Rebecca, em 1945



Com as filhas Rebecca Welles e Ysmine Khan, 1951


Judy Garland

Com Liza Minnelli para a revista Photoplay, em 1947



Ingrid Bergman

Com seu filho Roberto


Com Isabella


Lauren Bacall

Com sua filha Leslie, em 1955


Grace Kelly

Com Caroline


Com Albert e Caroline, 1959


Lana Turner

Com sua única filha, Cheryl Crane, em 1943


Em 1951


Joan Fontaine

Com Deborah Leslie, em 1948


Pier Angeli

Com Perry Damone, 1956


Jane Birkin

Com Charlotte Gainsbourg, 1972


Jayne Mansfield

Com o então marido Mickey Hargitay e o filho do casal, Miklos, 1958


Gene Tierney

Com Tina, em 1951



Audrey Hepburn

Com Sean, em 1961



via.

Com Luca


Lucille Ball

Com a filha Lucie, 1952




Mary Tyler Moore

Com o filho Richie, em 1965


Debbie Reynolds

Com Carrie Fisher, 1959


Catherine Deneuve

Com Chiara Mastroianni, 2001


Shirley MacLaine

Com Sachi Parker, 1959



Eleanor Parker

Com a filha Susan, 1948


Tippi Hedren

Com Melanie Griffith


Marlene Dietrich

Com Maria Riva, 1930s


Sophia Loren

Com Carlo Ponti Jr, 1969


Natalie Wood

Com Natasha, em 1971


Romy Schneider

Com David, 1967


Bette Davis

Com a filha BD Hyman nos bastidores de O Que Terá Acontecido a Baby Jane?, 1962


Janet Leigh

Com o então marido Tony Curtis e a filha Jamie Lee Curtis

domingo, 6 de maio de 2018

Lançamentos Obras-Primas do Cinema - Maio de 2018


A nossa parceira Obras-Primas do Cinema é certamente a empresa de home-vídeo que mais tem crescido nos últimos anos. Embora sempre tenham trabalhado com um enorme capricho, com belíssimas edições, incluindo extras e cards, nos últimos anos a distribuidora vem se dedicando cada vez mais aos seus lançamentos. A diversidade é uma marca registrada da Obras-Primas, que além de focar nos grandes filmes de Hollywood, vai além e traz para o Brasil clássicos de todas as partes do mundo. Conheça abaixo as novidades deste mês:

Digipak Sessão Anos 80 - Volume 2


Obras-Primas do Cinema apresenta, SESSÃO ANOS 80 – Volume 02. Neste novo volume trazemos mais 4 grandes clássicos dos anos 80, todos em versões remasterizadas com idioma original, dublagem clássica em português e 40 minutos de extras!

Cultura - Saraiva - Fnac

Disco 01:
Sem Licença para Dirigir (License to Drive, 1988)

Direção: Greg Beeman. Elenco Principal: Corey Haim, Corey Feldman, Carol Kane

Les e Dean são típicos adolescentes americanos que não imaginam a vida a pé. Tudo que eles querem é tirar logo a carteira de motorista e sair com as garotas. Les é reprovado no exame, mas mesmo assim sai com o carro do avô, numa noite inesquecível.

Um Salto Para a Felicidade (Overboard, 1987)
Direção: Garry Marshall. Elenco Principal: Goldie Hawn, Kurt Russell, Edward Herrmann

Revoltado com os maus tratos recebidos por rica megera que o contratou para fazer serviço, carpinteiro aproveita seu estado de amnésia, depois que bate com a cabeça, para convencê-la de que é mãe de seus quatro endiabrados filhos.

Disco 02:
Digam o Que Quiserem (Say Anything…, 1989)
Direção: Cameron Crowe. Elenco Principal: John Cusack, Ione Skye, John Mahoney

Diane parece estar com a vida feita: melhor estudante de sua classe, tem bolsa uma bolsa de estudos na Inglaterra assegurada. Até que, no último verão antes de sua viagem, conhece Lloyd, um simpático rapaz com boas intenções, mas que não tem a mínima ideia do que quer fazer de sua vida.

A Primeira Transa de Jonathan (Mischief, 1985)
Direção: Mel Damski. Elenco Principal: Doug McKeon, Catherine Mary Stewart, Kelly Preston

Em 1956, em uma pequena cidade, o introvertido e desajeitado Jonathan é amigo do extrovertido e inconformado Gene, que já morou em Chicago. O principal objetivo de Jonathan é conquistar linda e sexy, Marilyn, apesar da timidez dele, enquanto Gene pretende manter sua vida sentimental com Bunny, sua namorada. Gene é adorado por várias garotas e ensina para Jonathan algumas lições, mas o próprio Gene enfrenta um problema, pois em virtude de seu pai ser pobre os pais de Bunny não o aceitam.

EXTRAS:Entrevista com o Cameron Crowe” (13 min)
Cenas deletadas de “Sem Licença para dirigir” (14min)
Cenas deletadas de “Digam o que Quiserem” (13min)




Jean Cocteau - Digipak com 2 dvds


Obras-Primas do Cinema orgulhosamente apresenta em digipak especial com 2 DVD’s, 4 clássicos de um dos artistas mais talentosos do século XX: O lendário escritor, artista e cineasta “Jean Cocteau”. Todos em versões remasterizadas e mais de 90 minutos de material extra. Edição limitada!

Cultura - Saraiva - Fnac

Disco 01:
Sangue de Um Poeta (Le sang d’un poète, 1932)
Elenco Principal: Enrique Rivero, Elizabeth Lee Miller, Pauline Carton.

Um artista sem nome é transportado através de um espelho para outra dimensão, onde ele viaja através de diversos cenários bizarros. História contada em quatro episódios.

A Bela e a Fera (La belle et la bête, 1946)
Elenco Principal: Jean Marais, Josette Day, Mila Parély.

Adélaïde, Bela, Félicie e Ludovic são irmãos de uma família à beira da ruína. Certa noite, o pai está andando perdido por uma floresta e acaba procurando refúgio em um castelo fantástico, onde vive uma fera terrível. Quando seu pai rouba uma rosa do castelo, Bela é obrigada a morar com a fera.

Disco 02:
Orfeu (Orphée, 1950)
Elenco Principal: Jean Marais, François Périer, María Casares.

Orfeu, famoso poeta em fase entediada, apaixona-se obsessivamente por uma Princesa, a Morte. Enciumada, esta arquiteta a morte de Eurídice, desprezada esposa de Orfeu. Com as duas presas no inferno, ele então decide também descer até lá.

O Testamento de Orfeu (Le testament d’Orphée, 1960)
Elenco Principal: Jean Cocteau, Françoise Arnoul, Claudine Auger.

Jean Cocteau retrata um poeta do século dezoito que viaja através do tempo em busca da sabedoria divina. Em um misterioso lugar, ele encontra diversos fantasmas simbólicos que trazem sua morte e ressurreição. Com um elenco eclético, que inclui Jean-Pierre Léaud, Pablo Picasso e Yul Brynner, Testamento de Orfeu traz a exploração do torturante relacionamento entre o artista e suas criações.

EXTRAS:Jean Cocteau: Autoportrait d’un inconnu: Maravilho documentário de 1983 que aborda a vida e o legado de Jean Cocteau.
Jean Cocteau e seus truques: Nesta entrevista com Claude Pinoteau, são discutidos os efeitos especiais que Jean Cocteau usou sem seus filmes.
In Search of Jazz: Neste extra, Cocteau discute o importante papel da música em seus filmes.
Film Restoration: Especial de como foi a restauração do filme “A Bela e a Fera”.



Cinderelo Sem Sapato (Cinderfella, 1960)


Obras-Primas do Cinema apresenta: Cinderelo Sem Sapato. Comédia dos anos 1960, escrito e dirigido por Frank Tashlin (Bancando a Ama-Seca), o filme é uma sátira do conto infantil “Cinderela”! Este é mais um dos 8 filmes que marcou a parceria entre Jerry Lewis e o diretor Frank Tashlin. Edição especial limitada com extras e Card!

Cultura - Saraiva - Fnac

Após a morte do marido, um milionário, a viúva se mostrou uma ótima mãe para os filhos, Maximilian (Henry Silva) e Rupert (Robert Hutton), que eram tratados com todos os mimos. Porém seu enteado, Cinderelo (Jerry Lewis), era tratado como um empregado, trabalhando incansavelmente o dia inteiro nas mais variadas tarefas. Até que um dia, enquanto limpava a piscina, surge diante de Cinderelo seu fada-padrinho (Ed Wynn), que veio para ajudar o enteado, principalmente agora que a princesa Charming (Anna Maria Alberghetti), do Grão-Ducado da Morovia, chegou à cidade. A princesa deseja escolher um marido e o eleito será alguém de muita sorte, pois além de muito rica ela também é bonita.

Extras:Limpando a piscina
Jerry oferecendo dinheiro para sua família
Jerry dormindo e sorrindo
Serviço de janta
Jerry perdendo a paciência com um membro da equipe técnica


sábado, 14 de abril de 2018

10 filmes com grandes estrelas que você provavelmente nunca assistiu

Até mesmo os maiores astros e estrelas podem protagonizar filmes ruins ou, ao menos, desconhecidos do grande público. Abaixo, listei algumas produções que poucos já assistiram ou ao menos ouviram falar e que foram estrelados por alguns dos maiores nomes do cinema.

*Eu mesma só assisti alguns por isso não estou afirmando que são bons ou ruins. Esse não é o objetivo da postagem*

1- Amor Entre Ladrões (Love Among Thieves, 1987)


Último trabalho de Audrey Hepburn como protagonista, o filme foi feito para a televisão em 1987 e conta com a presença de Robert Wagner, como par romântico da atriz, e Samantha Eggar. A história gira em torno de uma socialite que rouba relíquias de um museu para pagar o resgate de seu noivo, que foi sequestrado. Ao viajar para o México para salvar o amado, conhece um homem charmoso e desleixado, que tenta ajuda-la e por quem ela se sente atraída.

2- Embalos a Dois (Two of a Kind, 1983)


Tentando repetir o estrondoso sucesso de Grease, Olivia Newton-John e John Travolta se juntaram novamente no filme de 1983 que, não é preciso dizer, foi um total fracasso. Pela história do longa já podemos entender o porquê! rs Cansado do comportamento do Homem, Deus decide extinguir a humanidade, a menos que alguns de seus anjos possam encontrar duas pessoas de bom coração. Os mortais escolhidos para tal missão serão um inventor fracassado e uma caixa de banco. O problema é que os dois se odeiam e não pretendem fazer nada de bom um pelo outro.

3- The Scarlett O'Hara War (1980)


Como o próprio nome sugere, o filme feito para a televisão conta sobre a saga para achar a atriz ideal para interpretar a protagonista de E o Vento Levou, Scarlett O'Hara. O sucesso do livro e as notícias a respeito da superprodução, atraíram as maiores estrelas da época e os testes para escolher quem viveria a heroína sulista duraram meses. Retratado por Tony Curtis, o produtor David O. Selznick apostou todas as suas fichas para fazer uma obras majestosa, que se tornaria o maior clássico do cinema.

4- Gata em Teto de Zinco Quente (Cat on a Hot Tin Roof, 1976)


 Remake do clássico de 1958, que foi protagonizado por Elizabeth Taylor e Paul Newman, o longa de 1976 feito para a televisão contou com as interpretações de nomes como Natalie Wood, Robert Wagner e Laurence Olivier. 

5- A Delícia de um Dilema (Rally 'Round the Flag, Boys!, 1958)


Estrelado pelo casal Paul Newman e Joanne Woodward, a comédia não é tão conhecida quanto os demais filmes da dupla. Conta a história de Harry, um homem casado e apaixonado por sua esposa, Grace, que desperta o interesse de Angela, uma mulher bonita e manipuladora, vivida por Joan Collins. Por conta das armações de Angela, Grace pensa que seu marido está tendo um caso e o expulsa de casa, enquanto ele faz de tudo para provar sua inocência. 

6- Janela Indiscreta (Rear Window, 1998)


Refilmagem do longa de 1954 dirigido por Alfred Hitchcock, o longa também foi feito para a televisão e tem Christopher Reeve como protagonista, interpretando um arquiteto que ficou tetraplégico e passa seus dias observando os vizinhos, até que acredita ter presenciado um assassinato. Para desvendar o mistério, ele conta com a ajuda de sua amiga, interpretada por Daryl Hannah.

7- Os que Chegam à Noite (The Nightcomers, 1971)


Embora não apareçam 'fisicamente' no clássico de Henry James 'A Outra Volta do Parafuso' (The Turn of the Screw) ou em sua adaptação para as telas, 'Os Inocentes' (The Innocents, 1961), toda a trama, tanto do livro quanto do filme, gira em torno do comportamento perturbador e lascivo do casal formado pelo jardineiro e pela preceptora das crianças que vivem na mansão onde a história é ambientada. O longa de 1971, com ninguém menos que Marlon Brando como protagonista, interpretando o jardineiro, mostra os acontecimentos trágicos que precedem a chegada da personagem vivida por Deborah Kerr na produção de 1961.

8- O Ocaso de uma Vida (The Driver's Seat, 1974)


Elizabeth Taylor vive uma mulher de meia-idade, claramente com distúrbios psicológicos, que viaja para Roma para encontrar um namorado imaginário e durante o trajeto conhece dois rapazes. O longa conta com a participação de Andy Warhol.

9- Quando Elas Teimam (The Mad Miss Manton, 1938)


Uma jovem rica e mimada, vivida por Barbara Stanwyck, encontra um corpo após sair de uma de suas festas. Quando volta ao local junto com a polícia, não há mais nenhum indício do crime. Assim, ela aparece em uma matéria no jornal do dia seguinte, com comentários irônicos feitos por um charmoso jornalista, interpretado por Henry Fonda. Decidida a provar que estava falando a verdade, ela começa a investigar o assassinato por conta própria.

10- A Visita (The Visit, 1964)


Ingrid Bergman interpreta uma mulher riquíssima e amargurada, que volta à sua cidade natal em busca de vingança contra todos que a humilharam. Este é o único filme da lista, por enquanto, que você encontra resenha aqui no blog, clica aqui para ler.