segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Fred Astaire e suas parceiras de dança


Conhecido por sua leveza e elegância, Fred Astaire hipnotiza o público durante suas coreografias executadas com perfeição. Ao longo de sua carreira, encantou várias gerações com seus musicais, tornando-se um dos maiores mitos do cinema. Realizou diversos números ao lado de grandes atrizes e dançarinas, sempre dando aos espectadores a sensação de estar assistindo a algo mágico nas telas. Confira abaixo algumas das maiores parceiras de dança de Fred Astaire:

Adele Astaire


Foi ao lado de sua irmã Adele que Fred começou sua carreira artística, apresentando-se nos palcos de Londres e na Broadway durante a década de 20. A parceria durou até 1932, quando Adele se casou e decidiu se retirar do meio artístico.

Joan Crawford


Nas telas, sua primeira parceira de dança foi Joan Crawford no filme Amor de Dançarina (Dancing Lady, 1933). No longa, protagonizado pela atriz e por Clark Gable, Astaire faz uma participação como ele mesmo.


Ginger Rogers


Impossível falar de Fred Astaire sem lembrar de sua parceira mais famosa, Ginger Rogers. A dupla fez um total de dez filmes juntos, tamanha era a química que exalavam na tela. O primeiro filme em que os dois apareceram juntos foi Voando para o Rio (Flying Down to Rio, 1933), onde a estrela era a atriz mexicana Dolores Del Rio. Em seguida vieram A Alegre Divorciada ( The Gay Divorcee, 1934), Roberta (1935), O Picolino (Top Hat, 1935), Nas Águas da Esquadra (Follow the Fleet, 1936), Ritmo Louco (Swing Time, 1936), Vamos Dançar? (Shall We Dance, 1937), Dance Comigo (Carefree, 1938) e A História de Vernon e Irene Castle ( The Story of Vernon and Irene Castle, 1939). Dez anos depois, reencontraram-se no filme Ciúme, Sinal de Amor (The Barkleys of Broadway).


Joan Fontaine


Uma das parcerias mais curiosas de Fred foi com Joan Fontaine no filme Cativa e Castivante (Damsel In Distress, 1937). Certa vez a atriz revelou, em tom divertido, que no dia da estreia uma mulher sentada atrás de sua poltrona comentou em alto e bom som 'Ela não é horrível?', referindo-se à cena de dança. Apesar de não dançar tão bem como atuava, a atriz se esforçou para fazer um bom trabalho.



Eleanor Powell


Ao lado da atriz, realizou o número de dança e sapateado considerado por muitos o mais impressionante do cinema, no filme Melodia da Broadway de 1940 (Broadway Melody of 1940).


Paulette Goddard


No filme Amor da Minha Vida (Second Chorus, 1940), Astaire contracena com Paulette Goddard em um de seus filmes mais subestimados.


Rita Hayworth


Outra de suas parceiras mais aclamadas, Rita Hayworth dançou ao lado de Fred nos adoráveis Ao Compasso do Amor (You'll Never Get Rich, 1941) e Bonita Como Nunca (You Were Never Lovelier, 1942).



Joan Leslie


Joan Leslie e Fred Astaire trabalharam juntos no filme Tudo por Ti (The Sky's the Limit, 1943).


Lucille Bremer


A atriz esteve ao lado de Fred nos filmes Yolanda e o Ladrão (Yolanda And The Thief, 1945) e Ziegfield Follies (1945), nos números This Heart of Minee Limehouse Blues.


Judy Garland


Fred Astaire e Judy Garland fizeram juntos o filme Desfile de Páscoa (Easter Parade, 1948). Inicialmente o papel principal seria de Gene Kelly, porém após se machucar, o ator pediu ao amigo que o substituísse, convencendo-o a sair de sua aposentadoria, a qual havia anunciado em 1946.


Ann Miller


Também em Desfile de Páscoa, Fred dança com Ann Miller, em uma cena deslumbrante.


Vera-Ellen


Vera-Ellen estrelou com Fred os filmes: Três Palavrinhas (Three Little Words, 1950) e Ver, Gostar e Amar (The Belle Of New York, 1952).


Betty Hutton


A parceria se deu no filme Vamos Dançar (Let's Dance, 1950).



Jane Powell


Interpretando irmãos, os dois se encontraram em Núpcias Reais (Royal Wedding, 1951).


Este filme possui uma das cenas mais icônicas da carreira do ator:



Cyd Charisse 


Grande dançarina, conhecida por suas belas pernas, Cyd protagonizou dois filmes com ele: A Roda da Fortuna (The Band Wagon, 1953) e Meias de Seda (Silk Stockings, 1957), último musical do ator.


Leslie Caron


Os dois fizeram juntos o encantador Papai Pernilongo (Daddy Long Legs , 1955).


Audrey Hepburn


Embora insegura sobre seu talento para dança, Audrey Hepburn brilhou ao lado de Fred no filme Cinderela em Paris (Funny Face, 1957).


A Classicline, parceira do blog, é uma das distribuidoras que mais investe em trazer os filmes de Fred Astaire para o Brasil, já tendo em seu catálogo diversos filmes do ator, tanto musicais, quanto alguns filmes de outros gêneros feitos por ele.




Todos podem ser encontrados nas melhores lojas no ramo. O filme Papai Pernilongo é um dos grandes lançamentos no mês de Outubro, que você pode conferir no post aqui do blog. O filme Ver, Gostar e Amar será lançado em novembro. Para mais informações, siga a página da Classicline no facebook. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário