Papai Ganso, 1964


Papai Ganso (Father Goose, 1964) não é um filme típico de Cary Grant. Não há o glamour e a elegância que estamos acostumados a ver quando o ator aparece nas telas. No entanto, seu enorme carisma continua la, e mesmo bebendo e todo desarrumado continua sendo o nosso Cary Grant. Sua atuação é muito divertida e ele parece estar bastante à vontade no papel, tendo declarado certa vez ser este o personagem com quem mais se identificava de todos que interpretou. Grant gostou tanto do roteiro, que recusou o convite para interpretar Henry Higgins na superprodução My Fair Lady para participar deste longa. Sua ideia inicial era ter Audrey Hepburn como seu par romântico, entretanto a atriz já estava comprometida como a protagonista de My Fair Lady. A também adorável Leslie Caron foi a escolhida para substituí-la e interpretar a professora francesa Catherine em seu lugar.


O filme se passa durante a Segunda Guerra e conta a história de Walter Eckland, um homem que despreza as convenções da sociedade e prefere aventurar-se em suas viagens de barco. Certo dia, ele é obrigado convencido por um antigo colega a ir para um local isolado com o objetivo de informar qualquer movimentação pela região. Ao ser incumbido de resgatar um soldado em uma ilha próxima, ele acaba encontrando uma professora e suas alunas que haviam sido abandonadas no lugar. Com isso, o impaciente e nada cavalheiro Walter se vê cercado de mulheres com quem tem que conviver por várias semanas, causando conflitos e situações engraçadas, além de uma dose de romance. O filme ganhou o Oscar de Melhor Roteiro Original no ano de 1965.

Cary Grant nos bastidores de Papai Ganso

Uma comédia diferente e despretensiosa, com atores encantadores, perfeito para quem quer um filme leve e divertido. 

Leslie Caron fotografada por Leo Fuchs no intervalo das gravações

O dvd foi lançado este mês no Brasil pela distribuidora Obras-Primas do Cinema. Além da capa, que eu achei super fofa, a edição vem com um card, as tradicionais curiosidades na parte de dentro da capa, além do vídeo de Cary Grant recebendo seu Oscar Honorário, entregue por Frank Sinatra, como extra. Você pode adquirir o filme nas melhores lojas do ramo, como Livraria Cultura, Livraria da Folha e Colecione Clássicos.



Comentários

Postagens mais visitadas